sábado, fevereiro 24, 2007

Retratos

Nesse jardim de pedra, onde os retratos se desvanecem e os caixilhos se enferrujam, moram memórias, marcas e lembranças de momentos irrepetíveis.
Vê-los alinhados faz confusão. É a imagem de um perpétuo caos organizado...

Ainda bem que há músicas como esta para nos transportarem para o interior do nosso próprio caos e para nos ajudarem ver os caixilhos brilhantes que envolvem as imagens coloridas pelos pincéis dos nossos sonhos.




(esta música é uma homenagem a alguém muito especial)

1 comentário:

Celi disse...

como se o primeiro paragrafo não arrepiasse o suficiente, tinha que vir uma musica que o faz sozinha.